A vida e o lixo eletrônico

Somente nos EUA, 30 milhões de computadores são jogados no lixo todos os anos. Enquanto na Europa, 100 milhões de celulares são aposentados no meu intervalo. Entretanto, o percentual de reciclagem vaga solitário entre as casas 15 a 20% do total de lixo eltrônico produzido a cada ano. Além da quantidade absurda, o lixo eletrônico ainda vem acompanhado dos seus metais pesados como o mercúrio, por exemplo.

É uma situação complicada e caminhamos no sentido oposto de solucioná-la. A chamada obsolescência programa, em que produtos tecnológios têm vida útil curtíssima e reduzida a cada atualização de softwares e hardware é a maior vilã do caso.

Buscando retratar a gravidade do lixo eletrônico e o estado de miséria das pessoas que vivem dele, o fotógrafo Renée C. Byer fotografou um depósito de lixo eletrônico ganês na cidade de Accra. As imagens são comoventes e deveria fazer-nos pensar a respeito deste consumo desorientado de tecnologia.

O ensaio foi premiado no concurso Earth15 da Lens Culture.

o depósito

Antes de ser um cemitério de computadores, celulares e televisores, a região abrigava um lago. O resultado, após abrigar toneladas de lixo eletrônico foi a morte de toda vida animal da região. Hoje, sequer vermes são encontrados no lugar.

Além de ver outras fotos, você pode obter mais informações sobre o ensaio clicando aqui.

referências
  1. Electronic waste (English Wikpedia);
  2. Lens Culture.
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s