Os olhos de quem vê

O céu estava estrelado e a lua tinha o tamanho do coração dela. Eles estavam na praça e ela o segurava nos braços. As palavras faltavam e o silêncio imperava. Os olhos dele brilhavam mais que a lua e a o coração dela batia forte.

Mais tarde, quando se separaram, depois de passarem o dia abraçados, e seguiram cada um para sua casa.
Ela chega correndo e liga para a melhor amiga

-Amiga, foi perfeito! Ele ficou super calado! Não tinha nem palavras! E os olhos? Você acredita que estavam cheios d’água? Brilhavam tanto! Ele ficou super emocionado!

Ele, com a mesma pressa, correu em direção ao banheiro. Ao sair, ligou para o melhor amigo

– Então, velho. Peguei. Mas tava foda. Estou com diarreia e fiquei segurando o dia todo. Meus olhos encheram de água de tanta força que eu fazia pra não me borrar todo. Sequer conseguia falar e parar em pé. Deixei ela me segurar…

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s